Busca:

O que aconteceu no mercado da Bovespa nesta semana


As preocupações nas últimas semanas com a economia global, com os EUA perdendo a nota máxima do seus títulos e a crise da dívida na Europa, levaram a Bolsa de Nova York a ter o pior mês desde o início de 2009.

bolsa_de_comercio-300x208

O índice Dow Jones vem de quatro semanas seguidas de queda, com uma desvalorização acumulada de 14,7%. Ontem, ele recuou 1,6%, com os temores de uma nova recessão e também com os investidores preocupados com a reformulação da fabricante de computadores Hewlett-Packard, cujas ações desabaram 20%. O Dow Jones não tinha um resultado tão ruim em quatro semanas desde o período de fevereiro e março de 2009, ainda sofrendo os impactos da quebra do banco Lehman Brothers.

Se naquela época os mercados sofriam com a recessão global, agora a preocupação é que uma nova onda de declínio esteja se aproximando.

Mesmo que o centro dos temores esteja nos países ricos, é improvável que os emergentes escapem ilesos. O resultado é que os investidores estão fugindo das ações e procurando aplicações mais seguras.

O ouro voltou a bater recorde, e o iene atingiu o seu maior valor ante o dólar desde a Segunda Guerra. Os títulos de dez anos do Tesouro americano chegaram ontem a pagar rendimento inferior a 2%, algo que não acontecia em 60 anos. Além do rebaixamento, EUA sofrem com uma economia que dá repetidos sinais de desaceleração. Ontem, bancos diminuíram as previsões de aumento do PIB americano no segundo semestre.

Post Relacionados

1 Comentário

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil