Busca:

Cómo será a Bovespa 2011


Tem dois desafios que dominados farão que a bolsa retome a sua tendência de alta em todos os períodos- Eles são:

1) Economia americana: E o fator mais impactante para que a bolsa retome o seu crescimento. Na aparência os EUA vão retomando o controle e as coisas estão se encaixando bem, melhorando a cada semana a expectativa de um melhor desempenho da economia para 2011.

O mais preocupante continua sendo o mercado de trabalho e o setor imobiliário, mas mesmos estes estão apresentando sinais cada vez melhores. Não se espera uma mudança na taxa de juros até junho, mas a partir de julho pode ser que comece um movimento do FED para alguma alta na taxa até o final do ano, impactando com isso os mercados emergentes e conseqüentemente o índice Bovespa.

2) Inflação e crescimento econômico Brasileiro: A inflação acontece devido a um melhor desempenho da economia e a falta de oferta pois o câmbio depreciado e juros altos não estimulam a produção como deveriam , e provavelmente veremos um aumento do juros até o final do ano chegando até 11,75 . Assim sendo, e como não se espera nenhuma reforma estrutural em nossa economia que possa melhorar a oferta, como uma reforma trabalhista ou tributária pode esperar uma taxa de juros razoavelmente alta nos próximos anos e um crescimento mediano, não mais do que 5% ao ano.

Neste panorama é provável que o primeiro semestre seja positivo para a bolsa de valores, mas uma certa cautela é necessária no segundo semestre já que se espera um aumento na volatilidade e um possível movimento dos fluxos financeiros para os ativos de menor risco.

Post Relacionados

Sem comentários

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil