Busca:

Canais na Análise Técnica de Ações


A linha de canal é a linha paralela a linha de tendência traçada. No caso de uma tendência de alta é uma linha traçada sobre os topos.

Bolsa-de-Nueva-York

Traçar uma linha de canal é relativamente simples.

Primeiro traça-se uma linha de tendência, depois traça-se uma linha paralela a esta, partindo-se do primeiro topo significativo. Ambas as linhas se movem para a direita formando um canal.

Se no próximo topo formado os preços chegam na linha do canal e depois retraem-se, está confirmada a existência deste.

No caso de uma tendência de baixa, o fenômeno é o mesmo só que na direção inversa (de tendência).

A utilidade da linha de canal é evidente. O investidor pode numa situação desta entrar comprando quando os preços chegam na linha de tendência e liquidar sua posição quando chegam na linha de canal.

A verdade é, no entanto, que estas situações não são a via de regra sendo mais comum situações em que o mercado tem de fato uma linha de tendência, mas apresenta seus topos de uma forma mais irregular.

Exemplo – Canais de Alta e Baixa

image

image

image

image

Post Relacionados

1 Comentário

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil