Busca:

Bovespa tem queda nesta terça-feira e dólar fecha em alta


O dólar comercial voltou a fechar com valorização nesta terça-feira, na segunda alta consecutiva, com os investidores ainda apreensivos com possíveis novas intervenções do Banco Central no mercado de câmbio e após a divulgação de dados mistos sobre a economia norte-americana. A moeda norte-americana fechou a R$ 1,8177 para venda, alta de 0,08%. Na segunda-feira, o dólar subiu 0,33%, cotado a R$ 1,8163 para venda.

bov5

No mês, até esta terça-feira, o dólar acumula alta de 5,68%. No ano, após ter recuado mais de 9% ante o real, atualmente a queda está em 2,72%. O governo brasileiro começou a adotar ações para conter a valorização do real no começo de março e, no último dia 12, elevou para 6% a incidência do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sobre empréstimos externos com prazo de até cinco anos. Anteriormente, o prazo era de até três anos. Além dessas medidas, o BC tem atuado diretamente no mercado de câmbio, ainda que de forma esporádica, por meio de leilões de compra de dólares à vista, além de leilões de swap reverso, um derivativo que funciona como uma compra de dólares pelo BC no mercado futuro.

No cenário externo, foram divulgados dados mistos sobre a economia norte-americana. Por um lado, os preços das moradias nos Estados Unidos ficaram inalterados em janeiro. No entanto, a confiança do consumidor dos Estados Unidos recuou em março, na medida em que os norte-americanos elevaram suas expectativas de inflação para o maior nível em 10 meses.

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou com queda de quase 1% nesta terça-feira, impactada pelo comportamento negativo das ações das petrolíferas, com Petrobras e OGX registrando quedas, e após dados abaixo do esperado nos Estados Unidos esvaziarem o otimismo da véspera, com declarações do presidente do Federal Reserve.

O principal índice da bolsa – Ibovespa – fechou em baixa de 0,97%, a 66.037 pontos. O volume financeiro do pregão foi de R$ 6,478 bilhões.

Na segunda-feira, o pregão fechou em alta de 1,32%, aos 66.684 pontos, após quatro quedas seguidas.

Post Relacionados

Sem comentários

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil