Busca:

Bovespa sobe 0,35% por causa das siderúrgicas


As ações das siderúrgicas são de grande peso na praça financeira paulista, suportaram as quedas das ações petroleiras, lideres no mercado da bolsa do Brasil que hoje apresentaram perdas.

A Bolsa do Brasil, o Bovespa, principal referente no mercado econômico de São Paulo, acabou o pregão com um avanço de 0,35% empolgada pelas ações das empresas siderúrgicas após uma sessão de forte volatilidade, entanto que a economia estadounidense cresceu num ritmo ligeiramente menor que o esperado.

O Bovespa se colocou em 68,682.66 pontos registrando um avanço de 0,35%, entanto que em Buenos Aires, o Merval fechou com movimentos decrescentes, se colocando nos 2,402.45 pontos, o que representa uma perda marginal de 0,31%, a bolsa argentina baixou pressionada por uma descida do valor dos títulos do setor financeiro.

 

As ações siderúrgicas são de grande peso na praça financeira paulista, e suportaram hoje a queda das ações petroleiras, lideres do mercado e que hoje apresentaram perdas e também agüentaram o frouxo desempenho de Wall Street, o referente externo por excelência da Bovespa.

Por outra parte, se deu a conhecer pelo Departamento do Comercio que a economia nos Estados Unidos cresceu num ritmo ligeiramente inferior ao previsto preliminarmente no quarto trimestre, entanto que os ganhos corporativos se desaceleraram perante o trimestre anterior.

O Produto Interno Bruto dos Estados Unidos se expandiu numa taxa anual de 5,6% no quarto trimestre, na sua estimação final do dado PIB, no lugar do ritmo de 5,9% que tinha se previsto em fevereiro. No entanto, foi o avanço mais intenso desde o terceiro trimestre de 2003.

AS ações das siderúrgicas Gerdau (GGBR4.SA) e Usiminas (USIM5.SA) registraram ganhos de 2,65% e 1,22%, respectivamente, ajudando a sustentar o Bovespa no terreno positivo.

Entre as 63 companhias que conformam o índice, 24 subiram, 35 caíram e 4 permaneceram sem mudança.

AS ações da petroleira Petrobrás diminuíram 0,51% com relação ao pregão de ontem, entanto que as da Vale aumentaram 0,90%, os títulos do Itaú-Unibanco avançaram 1,79% entanto que as ações do Banco do Brasil subiram 0,51%.

No mercado de cambio, o real brasileiro fechou em baixa perante o dólar, após uma reforma na normativa dos mercados de divisas, que poderia gerar demanda adicional de dólares, pelo que se colocou em 1.8275 por dólar, comparado com a cotação final da quinta-feira em 1.8091 reais por dólar.

Post Relacionados

1 Comentário

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil