Busca:

Apos novidades dos EUA a piora do cenario faz Bovespa cair


No pregão desta quarta-feira (28), o índice Ibovespa, da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), encerrou o pregão em queda de 1,45%, aos 65.079 pontos, influenciado pela piora no cenário externo após novos dados abaixo do esperado nos Estados Unidos. O giro financeiro do pregão foi de R$ 6,79 bilhões. O dólar comercial encerrou o pregão desta quarta-feira em alta. A divisa fechou cotada a R$ 1,826 na compra e R$ 1,827 na venda, valorização de 0,56%

bov1O Banco Central realizou, por volta das 11h15 (horário de Brasília), um leilão de swap cambial reverso – derivativo que funciona como uma compra de dólares no mercado futuro – para rolar contratos com vencimento no início de abril. O BaCen vendeu todos os 41.200 contratos colocados, com um volume financeirode US$ 2,057 bilhões.

No mercado nacional, o grande destaque para as perdas do dia foram para a forte desvalorização das duas principais empresas do Ibovespa: Vale, que teve perdas de 1,91% no ON e 1,67% no PNA; e a Petrobras que apresentou reuco de 1,95% nos papéis ordinários e 1,72% nos preferenciais. Juntas, elas representam 23,1% do índice.

Na ponta negativa do Ibovespa, as ações da GOL lideraram com quedade 5,10%, terminando cotadas a R$ 12,47 e praticamente zerando os ganhos de 2011. Esse fenômeno reflete a divulgação dos resultados de 2011 da empresa, acumulando grande prejuízo no ano. Os papéis da Ambev registraram a segunda maior queda, ao recuar 4,36%.

Nos Estados Unidos, o desempenho fraco tomou conta do mercado, sobretudo após o Durable Good Orders mostrar que os pedidos e entregas de bens duráveis feitos à indústria dos EUA subiram abaixo do esperado em fevereiro, registrando alta de 2,2% – ante expectativa de 3,8% de avanço.

Em Nova York, o índice Dow Jones teve baixa de 0,54%, enquanto o S&P 500, que reúne os 500 principais ativos do mercado americano, perdeu 0,49%.

Na Europa, os investidores acompanharam o resultado do PIB do Reino Unido e da França no 4º trimestre. No primeiro, a retração foi levemente acima do esperado, enquanto a França vançou dentro das expectativas.

Entre as commodities, a queda nos contratos de petróleo no mercado internacional, pesou nas ações da Petrobras. A preferencial caiu 1,72%, a R$ 23,39, enquanto a ordinária perdeu 1,95%, a R$ 24,17. Vale também pressionou o Ibovespa, com a preferencial encerrando em baixa de 1,67%, a R$ 40,66, e a ordinária em queda de 1,91%, a R$ 41,60.

Post Relacionados

Sem comentários

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil